)

«

»

ago 21 2013

Americano que passou cinco dias a bordo de um UFO se apresentará em Foz do Iguaçu.

Travis Walton revelará sua experiência e o que aprendeu com ela no V Fórum Mundial de Ufologia

Reconstituição da abdução de Travis Walton, no filme Fogo no Céu – CRÉDITO: PARAMOUNT PICTURES

Desde o princípio da Era Moderna dos Discos Voadores, o maior mistério dentro da pesquisa ufológica sem dúvida é o da abdução. Escolhidas aparentemente ao acaso, pessoas são sequestradas e levadas para bordo dessas extraordinárias naves, passando por uma série de procedimentos similares a exames médicos. O fato de serem recolhidas amostras de pele, sangue e outras, de acordo com os relatos, contribui para complicar ainda mais o quebra-cabeças. Outro fator sempre considerado é a amnésia seletiva, com boa parte das vítimas sofrendo a angustiante sensação de que várias horas de suas vidas foram subtraídas.

O tema das abduções, por sua fundamental importância no entendimento da problemática envolvendo as visitas extraterrestres, será um dos grandes destaques do V Fórum Mundial de Ufologia, ou II UFOZ 2013. O evento, seguindo a tradição da série iniciada em 1997, já contabiliza um grande número de inscrições em seu site oficial, onde a programação, a relação de conferencistas e os temas de suas palestras estão disponíveis. De 21 a 24 de novembro de 2013, Foz do Iguaçu novamente irá receber a elite da Ufologia Brasileira e Mundial para um debate do mais alto nível. E o público é convidado a participar.

Um dos convidados de maior destaque é Travis Walton, que até 05 de novembro de 1975 era um pacato trabalhador de extração de madeira em Snowflake, cidade do estado do Arizona, Estados Unidos. Retornando para casa em uma picape com vários colegas, o grupo teve sua atenção atraída pela presença de um grande objeto voador não identificado pairando à baixa altitude. Ignorando os protestos dos amigos, Walton saiu do veículo e se aproximou do UFO, quando subitamente foi atingido por um raio de luz disparado do objeto e caiu para trás. Os demais fugiram em pânico e Travis só foi encontrado cinco dias depois.

Comunicação com seus abdutores extraterrestres

Travis Walton – CRÉDITO: ARQUIVO REVISTA UFO

Nesse meio tempo seus colegas foram acusados por seu desaparecimento e presumido assassinato pelas autoridades. Contudo, todos passaram pelo detector de mentiras com resultado positivo. Isso significava que a impressionante história que contavam não era mentira e após Walton ser achado o procedimento foi repetido com ele, igualmente com resultados positivos. Ele pouco se lembrava de sua experiência e só conseguiu recobrar alguns detalhes tempos depois. Travis Walton descreverá como manteve comunicação com seus abdutores extraterrestres e contará como tem se dedicado a descrever o que lhe aconteceu, com o intuito de auxiliar outras pessoas que também foram abduzidas. O caso de Travis Walton foi intensamente investigado e inspirou o filme Fogo no Céu [Fire in the Sky, 1993].

Se a Ufologia depende do relato dos abduzidos, frequentemente fragmentados e necessitando serem obtidos com o auxílio de métodos de hipnose regressiva, o esforço de análise e elaboração de teorias e métodos de trabalho para tentar desvendar esse enigma cabe aos pesquisadores. E o II UFOZ 2013 contará com a fundamental presença de muitos destes, alguns dos melhores do mundo, graças aos quais algumas das possíveis respostas para o enigma da Ufologia, e das abduções, já podem estar sendo discutidas.

Um deles é Marco Antonio Petit, coeditor da Revista UFO e um dos mais renomados ufólogos do Brasil. Autor de seis livros sobre diversos aspectos do Fenômeno UFO, participou da investigação de inúmeros casos, incluindo vários ocorridos na Serra da Beleza, região endêmica em termos de avistamentos, e um dos principais casos brasileiros, o Caso Varginha. Com base em suas pesquisas elaborou uma das mais bem documentadas teorias acerca das abduções, que seriam parte de um esforço para que a humanidade retorne à forma do passado distante, quando conviveu de maneira muito próxima com outras civilizações cósmicas.

Aviso para o despertar da humanidade

Marco A. Petit – CRÉDITO: ARQUIVO REVISTA UFO

Para Petit não há nada de aleatório nas abduções, que representam o contato de maior proximidade entre humanos terrestres e os alienígenas. A intenção destes seria, na verdade, realizar um chamamento para o despertar da humanidade, a fim de que tomemos contato com uma realidade muito mais ampla do que a que conhecemos. Segundo Petit, que também é um dos principais integrandes da Comissão Brasileira de Ufólogos (CBU), talvez os ETs estejam com isso nos ensinando quem realmente somos.

Muitos já chegaram a conclusões semelhantes, de que as abduções acontecem como parte de uma preparação para uma futura convivência da humanidade com outras civilizações. Existem inclusive aqueles pesquisadores que já pensam mais além, procurando com suas pesquisas demonstrar o quão profunda será essa transformação, igualmente com o intuito de nos prepararmos para ela. Uma dessas pesquisadoras é Mônica de Medeiros, médica formada pela Unicamp e com mestrado na Universidade de Illinois, sendo ainda membro da Sociedade Internacional de Cirurgia. Ocupou inúmeros cargos, inclusive em instituições públicas, e nos mais diversos postos em vários hospitais de São Paulo.

Está próximo o encontro definitivo com os visitantes alienígenas

Mônica de Medeiros – CRÉDITO: ARQUIVO REVISTA UFO

Desde de 1992 Mônica tem atuado junto à Casa do Consolador, entidade filantrópica espiritualista que fundou e onde pratica o que chama de medicina integrativa. A médica, que utiliza técnicas de imposição de mãos, conceitos de reencarnação e manipulação bioenergética, inclusive com auxílio de entidades desencarnadas, defende que o aumento da incidência ufológica comprova que está próximo o encontro definitivo da humanidade com os visitantes alienígenas. “Esse será somente o primeiro passo em um processo de aumento na convivência e integração com outras civilizações, onde profundas reformulações sociais e individuais serão necessárias para a humanidade terrestre”, afirma Mônica.

O II UFOZ 2013, ou V Fórum Mundial de Ufologia, acontece entre 21 e 24 de novembro de 2013 em Foz do Iguaçu, nas instalações do Hotel Golden Tulip. As vagas são limitadas e os interessados devem fazer suas inscrições no site oficial. Além do site oficial, está disponibilizada também a comunidade do II UFOZ 2013 no Facebook (veja abaixo). E em uma iniciativa inédita, a Revista UFO e a organização do evento oferecem uma oportunidade a donos ou administradores de sites, blogs ou comunidades voltados exclusivamente à Ufologia: a chance de participar gratuitamente do evento, incluindo uma apresentação para o público presente. Clique aqui e saiba como.

Site oficial do II UFOZ 2013

II UFOZ 2013 no Facebook

V Fórum Mundial de Ufologia: colabore e participe de todas as atividades do evento

Fonte: Revista UFO
1
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: