)

«

»

jul 18 2016

ABDUÇÃO E CONTATO: SOMOS TODOS PASSÍVEIS DE TER UM DELES.

contato e abdução
(Clique na Imagem para amplia-la)

Há uma diferença entre CONTATADOS e ABDUZIDOS?

O contatado

não necessariamente passa pelo trauma da abdução. Tem contato com seres extraterrestres, normalmente, telepático e,na maioria das vezes, no plano extrafísico.Recebe orientações, informações destes seres a quem identifica como amigos. São pessoas que têm uma missão a realizar no despertar na atual humanidade.

São pessoas que vêem a vida de modo diferenciado da maioria ,não sendo, contudo, necessariamente, pessoas dedicadas ao Bem Maior.Não importa para se contatado, o grau de instrução, a posição social, a nacionalidade, a profissão, a idade, o sexo, a raça. Afinal, Espírito não tem nada disso e somos ESPÍRITO, ainda que, vivendo aqui na crosta terrestre, estejamos num corpo físico denso.

A maioria dos contatados acaba por desenvolver algum tipo de trabalho interessante para a Terra, quer seja no aspecto humanitário, quer seja no aspecto ecológico.

Mas predomina nos contatados pelo lado BOM da FORÇA, um interesse genuíno em sair da matrix na qual vivemos. O contatado se torna um canal para transmitir mensagens de despertamento com a finalidade de auxiliar a atual humanidade a ver um palmo à frente do próprio nariz arrebitado.

Não sejamos inocentes a ponto de achar que só existem extraterrestres evoluidos moralmente e bons. Nosso Universo é dual,tem polaridade. Se a lei de Hermes Trimegisto está certa, e creio que está, “ASSIM COMO É EM CIMA , TAMBÉM É EMBAIXO”.

Por isso, existem contatados dos dois lados e a escolha deles tem por base a afinidade vibratória. Luz e Sombra não combinam.

Já os ABDUZIDOS

são seres que passam pelo trauma de um ato “violento”, embora ninguém seja vítima deste processo porque a Lei da Não Interferência impede que a abdução ocorra com alguém que a ela não se predispôs.

“Mas eu não me lembro de ter dado permissão!!!!”, dizemos de modo indignado. Todavia, deveríamos dizer “Não me lembro de ter dado permissão”. Da mesma forma como não nos lembramos dos percalços que criamos e que nos fazem sofrer, esquecendo-nos de que não há efeito sem causa.

As abduções são em maioria esmagadora extrafísicas. Ou seja, ocorrem com os corpos multidmensionais nossos muito mais vezes que com nosso corpo físico. Creio, francamente, que todas as abduções tem um ou mais episódios tridimensionais, ou seja, os ets levam mesmo o pacote todo: corpos físico e extrafísicos. Quando a abdução ocorre com o corpo físico, passamos pelas experiências que nos traumatizam mais, já que são nelas que nossos corpos são estudados.

Cedo ou tarde, os abduzidos se tornam contatados.

Mas o que se faz com esse contato?

Qual missão esperam os extraterrestres que façamos?

Será que os contatados são seres è frente da humanidade?

São especiais?

Devem se seguidos? Não devem ser questionados?

No meu entender, os contatados e os abduzidos têm, sim, uma missão especial para com o planeta Terra e todos os seres, de qualquer reino, que aqui vivem.

Devem se tornar batalhadores dos ideais de igualdade, fraternidade e liberdade.

Mas jamais serem tomados por donos da verdade ou seres perfeitos.

Infelizmente, vemos um número elevado destes terrícolas a “canalizarem”    longas e melosas mensagens de extraterrestres.

Mas os extraterrestres falam de modo conciso, nada verborreico. Raramente são amorosos porque são essencialmente práticos. São lógicos, desapaixonados e justos.

Sobretudo são respeitosos quanto ao Livre Arbítrio e levam muito a sério a Diretriz Primeira que comanda a não-interferência.

Não é raro vermos um abduzido-contatado perder-se em egomania. Não é raro vermos um abduzido-contatado querer lucrar com o fato de ter tido um contato com seres de fora.

Mas é raro, também, um contatado, muito mais que os abduzidos, não aderir a causas humanitárias.

Não se deve, jamais, valorizar acima dos demais aos contatados e aos abduzidos.

A árvore julga-se(embora não devamos julgar), por seus frutos.

Quem só fala, quem quer destruir o Bem, ainda que seja um contatado-abduzido, não serve aos extraterrestres que se importam com o planeta e com os seres que aqui vivem.A quem servem, é problema deles.

Nosso problema é evitar idolatria. Aliás, nada desaponta mais aos extraterrestres do que a idolatria.

E você, o que acha? é um contatado? foi abduzido?

Quer falar a respeito?

Assistam ao Vídeo da Palestra sobre Abdução do Editor e Escritor A. Gevaerd, com a participação dos ufólogos de renomes, dentre eles A. J. Gevaerd, Marco Antonio Petit e Gilda Moura :

Fonte: Drª  Mônica de Medeiros, médica e tem um Blog na revista UFO.
Editado por: Arquivo X do Brasil

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: