)

jun 04 2017

Marte era igual a Terra há 700 mil anos.

Marte era igual a Terra

Terra.
(Clique na Imagem para Amplia-la)

Marte era igual a Terra

Marte era igual a Terra há 700 mil anos. Os dados coletados pelo rover da Curiosidade sugeriram que Marte poderia ter suportado a vida há muito tempo.

As últimas evidências da Cratera Gale indicaram que Marte provavelmente teria um ambiente habitável e terrestre. O ambiente habitável de Marte foi por cerca de 700.000 anos, entre 3,1 e 3,8 bilhões de anos atrás.

Esta conclusão foi alcançada por cientistas que estudaram as amostras de rocha coletadas pelo Curiosidade da NASA. As analises se deram durante seus três primeiros anos explorando a superfície do Planeta Vermelho.

Lago de bilhões de anos

Em particular, descobriram que a cratera, que teria sido um lago há bilhões de anos. O local onde estava o lago, era rico em tipos de minerais que poderiam ter sustentado a vida no passado distante do planeta.

“Este tipo de estratificação de oxidantes é uma característica comum em lagos na Terra”, disse o autor principal, das análises dos dados envidados pelo rover Curiosity, Joel Hurowitz.

“A diversidade de ambientes neste lago marciano teria proporcionado múltiplas oportunidades para diferentes tipos de micróbios sobreviverem”, disse o pesquisador.

Marte era igual a Terra

Rover Spirit.
(Clique na Imagem para Amplia-la)

Rover Spirit

Em 2007, o veículo não-tripulado Spirit fotografou intrigantes formações rochosas semelhantes a dedos em uma área de 27 metros quadrados na cratera Gusev, próxima ao equador de Marte.

Os cientistas de Arizona decidiram, então, procurar características semelhantes na Terra, para determinar como ocorreria esta formação. Assim, encontraram estruturas quase idênticas em El Tatio, no Chile, que foram criadas por uma combinação de fontes termais e principalmente, micro-organismos.

A equipe escolheu estudar em El Tatio porque a área teria condições muito semelhantes às de Marte. Situado a 4,2 mil metros acima do nível do mar, muitas vezes apresenta temperaturas abaixo de zero durante a noite mesmo no verão. Durante a noite, enormes quantidades de luz ultravioleta do Sol chegam através do ar fino e seco.

Formações semelhantes às da Terra

As formações em Marte era igual a Terra, e as estruturas parecem ser semelhantes às estruturas na Terra conhecidas como estromatólitos. Essas estruturas, são compostas quando os micro-organismos formam colônias em ambientes úmidos e prendem sedimentos em sua superfície pegajosa.

O pesquisador da Universidade do Arizona, Steve Ruff, que publicou seu estudo na revista “Nature Communications”, disse  “Nós fomos para El Tatio procurando comparações com as estruturas encontradas na cratera de Marte”.“Mostramos que El Tatio produz depósitos de sílica com características que são mais semelhantes com as encontradas em Marte do que em qualquer outro lugar da Terra”, completou.

Ruff acrescenta:

“O fato de micro-organismos desempenharem um papel na produção das estruturas de sílica de El Tatio, levanta a possibilidade de que as estruturas marcianas formaram-se em uma estrutura comparável. Em outras palavras, com a ajuda de mecanismos que estavam vivos àquela época no Planeta Vermelho”.

Se a vida conseguiu surgir em Marte, no entanto, continua a permanecer um mistério.

 


Vídeo: Rover Curiosity na “Praia de Ogunquit”

 


Vídeo: Vida em Marte (espanhol)”


 

 


Trabalhamos para divulgar notícias sobre Ovnis, Osnis, Ebes, ETs, Alienígenas e afins. 


Fonte: Alins Ufos SightinsArquivo x do Brasil
Editado por: Arquivo x do Brasil

 

 

 

 

 

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe um comentário